Série B: Criciúma vira uma partida em que perdia até aos 39 do 2º tempo e depois fez 3 gols! S. Caetano, Joinville e Atlético-PR também venceram:



Criciúma CRICIÚMA 4x3 AMÉRICA-RN América-RN

Jogando no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma, o América-RN foi um time atrevido e deu muito trabalho ao Tigre Catarinense dando mostras de que a partida não seria fácil para o Criciúma, mesmo que atuando em seus domínios. E foi uma partida épica, que valeu o ingresso! O Criciúma perdia por 3x1 até os 39 minutos do 2º tempo e conseguiu uma virada daquelas que só contando não dá pra acreditar tem que ver para crer, o que demonstra a raça e a entrega do Criciúma nessa competição e que serve de exemplo para todas as equipes, independente da divisão, e digo mais, serve de exemplo até para a Seleção Brasileira esse poder de reação que o Criciúma teve ontem! Giovanni Augusto foi quem abriu o placar para os donos da casa aos 6 minutos do primeiro tempo.



Depois foi a vez de Pingo, do América-RN que marcou todos os gols da equipe potiguar na partida, aos aos 14, aos 38 e aos 32 minutos do 2º tempo. Depois disso veio a reação avassaladora do Criciúma: Lucca aos 42 minutos do 2º tempo, depois foi a vez de Gilmar, que ainda brilhou no final da partida marcando duas vezes e saindo consagrado pela torcida. Gilmar fez os dois últimos gols aos 39 e aos 47 minutos da etapa final, fazendo que um jogo perdido se tornasse uma vitória heroica pra ficar na história. O América-RN caiu para a 7ª colocação e permaneceu com seus 27 pontos. O Criciúma continua líder agora com 39 pontos. Já são oito rodadas consecutivas que o Criciúma se encontra em primeiro lugar.



Boa Esporte-MG BOA ESPORTE 1x3 SÃO CAETANO São Caetano



No Estádio Melão, em Varginha-MG, o Boa Esporte recebeu o São Caetano pela 17ª rodada da Série B do Brasileirão. Mas foram os visitantes quem saíram na frente com gols de Leandrão, aos 15 e aos 33 minutos do1º tempo. A equipe do Boa Esporte ainda diminuiu com Marcelo Macedo, aos 10 minutos do 2º tempo mas não conseguiu frear o São Caetano que ainda marcou no fim da partida, aos 46 minutos da etapa final com Geovane. Com essa importantíssima vitória, o São Caetano voltou ao G4 e está agora na 4ª posição e foi beneficiado pela derrota inesperada do Goiás contra o lanterna Grêmio Barueri, que caiu da 3ª para a 5ª colocação e assim o Azulão subiu para o 4º posto e agora tem 33 pontos alcançando assim seu 15º jogo de invencibilidade. Já a equipe de Varginha permaneceu com 19 pontos na 14ª posição.


Leandro Carvalho, comemora gol contra o Bragantino (Foto: Leandro Ferreira / Futura Press)

Itumbiara JOINVILLE 1x0 BRAGANTINO Bragantino



O Joinville continua com sua boa campanha nessa sua volta à Série B do Brasileirão. Atuando em casa, na Arena Joinville, o Coelho derrotou o Bragantino por 1x0 e além de garantir mais 3 pontos, ainda subiu uma colocação por causa do tropeço do Goiás diante do Grêmio Barueri. Sendo assim, o Joinville foi para 33 pontos ganhos e já está no 3º lugar na competição. Já o Bragantino, que depois de 5 anos se viu sem o técnico Marcelo Veiga, que era até semana passada o treinador recordista em permanência num único clube, voltou a perder e de quebra não saiu do lugar permanecendo na 17ª posição na zona do rebaixamento com 15 pontos em 17 partidas. O único gol da partida foi marcado por Leandro Carvalho, aos 15 minutos do 1º tempo. Mas o gol do Joinville estava irregular e o gol do Bragantino em lance legal de Tchô, foi anulado pela arbitragem, que interferiu diretamente no resultado final da partida e, quem sabe pode até rebaixar o clube paulista no fim do campeonato caso o time continue nesses altos e baixos pois três pontos a menos em sistema de pontos corridos fazem sim diferença e podem levar o time tanto ao céu quanto ao inferno. Mas como o Joinville não tem nada a ver com isso, pior mesmo foi para o Bragantino.


Paulo Baier gol Atlético-PR (Foto: Joka Madruga / Ag. Estado)

Atlético-PR ATLÉTICO-PR 1x0 ASA ASA-AL




No estádio Gigante do Itiberê, em Paranaguá-PR, o Furacão acabou com o jeum em casa e venceu mesmo que no sufoco a equipe do ASA de Arapiraca-AL. O gol salvador do Atlético Paranaense foi marcado por Paulo Baier e fez com que a equipe subisse para a 9ª colocação e fosse a 26 pontos. Já a equipe alagoana continua perto da zona de rebaixamento na 16ª posição com 17 pontos e só não caiu para a zona de descenso porque o Bragantino foi derrotado pelo Joinville.




1 comentário

Pedro Silveira em 15 de agosto de 2012 23:39

Rodada ruim para o Goiás: além de perder para o lanterna da competição, São Caetano e Joinville venceram. O time do ABC paulista está a 15 jogos sem perder. E a equipe catarinense considero a sensação da Série B. Recentemente, subiu do Brasileirão Série C e já demonstra competitividade numa competição mais difícil.

 
▲ Topo