Libertadores: Melhor na partida, Fluminense vira o jogo e derrota o Huachipato (CHI) com gols de Wellington Nem e Wagner!

Wagner comemora gol do Fluminense contra o Huachipato (Foto: Victor Ruiz / AP)

Huachipato-CHI HUACHIPATO (CHI)  1x2  FLUMINENSE Fluminense
  
O duelo entre Huachipato (CHI) e Fluminense realizado no estádio CAP, na cidade de Talcahuano, no Chile, foi disputado, com o time brasileiro tendo as melhores chances. Contudo, a Libertadores é traiçoeira e, diferente do Tricolor, os chilenos aproveitaram com precisão a oportunidade que tiveram. Injusto ou não, os donos da casa saíram na frente e o Fluminense terá que correr atrás para não se complicar na competição.

As chances do Flu começaram cedo. Aos oito minutos, após bate-rebate, a bola sobrou para Wellington Nem chutar cruzado e Fred desviar para fora. Dez minutos depois, Jean cruzou, o goleiro saiu bizonhamente, mas a zaga chegou primeiro que Thiago Neves para afastar. Com 35, Carlinhos arrancou, cruzou direto e a bola triscou o travessão.

Os lances mais significativos aconteceram no fim. Em um ataque do Flu, Jean lançou Thiago Neves, o meia tocou para Nem, e o atacante, com o gol escancarado, chutou na trave. Inacreditável a chance perdida. O castigo veio a galope. Nos acréscimos, Crovetto cruzou, Leandro Euzébio errou na marcação e Braian Rodríguez apareceu para marcar.




O Fluminense continuou melhor que o adversário e pressionando. Com um minuto, Nem tocou para Fred, que conectou Thiago Neves, e o meia bateu com perigo. A resposta do Huachipato veio com Nuñez. Após falta, o volante desviou e a bola passou por cima. Com 14 minutos, Nem fez boa jogada pela direita, cruzou para Fred, mas o goleiro chegou dividindo na hora exata.

E as chances continuavam a surgir. Gum escapou pela direita, cruzou e Fred, pressionado, cabeceou ao lado. A insistência deu resultado. Após bola alçada por Carlinhos, Fred ajeitou de peito e Wellington Nem pegou de direita para empatar. Gol mais que merecido. Com meia hora de jogo, o Flu articulou uma jogada, e, em bobeira do zagueiro, Wagner recuperou a bola para bater e virar a partida. O resultado fazia justiça ao que vinham mostrando os times.

Apesar do jogo ter ficado corrido, com o Huachipato (CHI) correndo atrás do prejuízo, o Flu conseguiu catimbar e administrar o resultado. Vitória para dar moral à equipe e chegar bem não só para o Campeonato Carioca, como para a sequência da Libertadores. Dependendo do resultado entre Grêmio e Caracas (VEN), o Fluzão pode ter acordado lanterna e ir dormir líder.



Comentários

 
▲ Topo