Torcedor Apaixonado : Gabriel Nogueira ( Palmeiras)

O quadro Torcedor Apaixonado mostra a paixão do torcedor pelo seu clube de coração. Neste sábado, 07 de Abril, quem irá descrever sua paixão como torcedor é o internauta Gabriel Nogueira. Ele é um torcedor apaixonado pelo Palmeiras. Mora em Blumenau-SC e também é blogueiro administrador do Blog do Nogueira e contará para nós como é ser um autêntico torcedor da Sociedade Esportiva Palmeiras:

_____________________________________________________________________


http://a1.twimg.com/profile_images/1478449814/DSC00246.JPG
Palmeiras GABRIEL NOGUEIRA

Blumenau - SC

http://gfnogueira.blogspot.com/

@nogueiracontato


Palmeiras TORCEDOR APAIXONADO PELO PALMEIRAS Palmeiras


"Meu Palmeiras minha vida, a razão do meu viver. Se ele jogasse lá no céu, eu morreria só pra te ver." Este cântico resume todo o amor que sinto pelo Palmeiras. Não sei, posso estar equivocado. Mas me sinto mais palmeirense que pelo menos 99,5% dos que dizem amar este clube. É incrivel o quanto os "torcedores" não amam o Palmeiras. O que seria o amor? Pois bem, alegria, tristeza, vitória, derrota. É se emocionar ao perder para o Vitória por 7 a 3 ou para o Coritiba por 6 a 0, mas também relembrar o épico jogo a qual eliminamos nosso maior rival nas semis-finais da Libertadores da América, tão quanto fazer calar-se a pífia mídia que reluta em exaltar futebol arte. Palmeiras não é assim. Palmeiras ruim, pífio, medilcre do 1º semestre de 2010 ganhou do Santos por 4 a 3 de virada provando que raça sempre ganha da habilidade e o melhor ataque é a defesa sim senhor. Este é até o caso também do Barcelona, que relutam em achar que é ofensivo. Errado. Não é. Concentra o jogo no meio e marca fortemente para recuperar a posse. O que é isso? Equilibrio.


Podem me criticar mas sigo com meu pensamento que sou um dos poucos torcedores de verdade do Palmeiras. Agente viu Mustafá Contursi ganhar 2 Campeonatos Brasileiros e 1 Libertadores da América como presidente do clube entre MUITOS outros títulos. Sim, ele que ganhou. Não foi o Palmeiras, treinador, jogadores tão pouco a torcida. E sabe o motivo? Se ele não tivesse firmado o contrato com a Parmalat, contratado Edmundo, Alex, Felipão, etc. Nada disso aconteceria e seu nome é Mustafá e não Palmeiras. Claro, consequentemente pelos acertos dele o clube foi campeão. Mas o que me deixa transtornado é ver "torcedor" reclamando do melhor presidente do Palmeiras de todos os tempos. Foi racista, uma péssima pessoa. Porém, ganhou, economizou. É preciso entender que ter dívidas não é um comportamento digno de time grande. Este foi o seu pensamento e isto explica o rebaixamento. Mas sei lá o que pensam. Que ele pegava o dinheiro para ele? Mas é claro que sim, na política não há salário, o cara se obriga a roubar. Cadê a entidade organizadora? Resumindo esta parte política, Mustafá deixou o cargo com 30 milhões positivos. Vai lá ver hoje em dia, vai. Já olhou ? Pois é, viu que não sabe de nada. Hoje Palmeiras deve cerca de 100 milhões.


Bom não é ser um torcedor palmeirense e sim amar o Palmeiras. É diferente, explico: É denominado (infelizmente) torcedor todo aquele que apenas diz ser. Piada, isso me irrita demais. O motivo é simples: Uns e outros marginais bateram no Vagner Love. Não, não, a torcida. 3 ou 4 trouxas chingaram Diego Souza e jogaram o cara para fora do clube, outros bateram no João Vitor e conforme o Globo Esporte cerca de 90% dos "torcedores" palmeirenses ficaram alegre com a saída de Kléber. É mole? a maioria não sabe de nada, são burros e por isso os bons pagam pelos ruins. Por isso tenho dito que não é bom ser palmeirense e sim amar o Palmeiras. O caso do Kléber é tão curioso, sinceramente. Edmundo jogou no Corinthians. E aí? Pô meu, para de ignorância bicho! Se Kléber foi corinthiano, problema é dele. O que importa foi que ele lutou pelo clube, bateu de frente com o Frizzo e Felipão, não aceitando a situação em termos gerais e não somente visando uma melhoria de salário. Ah, e o Sr.Craque Neto comentarista da BAND hein? Ele jogou no Palmeiras antes de se transferir para o Corinthians, fez gol no alvinegro vestindo alviverde, comemorou com irrevêrencia e é ídolo lá. Sabe o que significa isso? O Palmeiras até tem torcida, mas talvez são os pouco menos de 10% que votaram lá no Globo Esporte estarem tristes pela saída de Kléber. Quem sabe são até menos. Há quem diga que o clube melhorou com a saída do Gladiador. Certo e errado. O ambiente sim, ali no Palmeiras agora não tem ninguém que luta pelo clube, são tudo uma cambada de boca mole, incluindo o "São Marcos." Por isso o ambiente está calmo. Mas o erro está no desenvolvimento técnico. Perdeu para o Corinthians. Não tem desculpa. Torcedor tem que apoiar e ficar quietinho como Alex Silva disse quando estava no Flamengo. Se acha que tudo é tão fácil, vai lá jogar, quero ver!


Agora voltando a falar mais do meu amor pelo Palmeiras. Primeiramente vem o amor pelo futebol que é muito maior que o Palmeiras. Final RIO-SP, 2002. São Paulo x Botafogo decidiam a final. Só sei que é a minha primeira lembrança/emoção no futebol. Kaká entra e resolve o jogo. Ano seguinte, novamente RIO-SP, Palmeiras x São Paulo. Apenas veja este gol abaixo, se resume na minha maior emoção a qual já tiva no futebol:



Vídeo escolhido por Gabriel Nogueira e que traduz a sua paixão pelo Palmeiras


Mas quando decidi ser um palmeirense foi realmente um conjunto de fatores. Golaço de Alex, bela atuação de Marcos na Copa do Mundo. Porém, a derrota para o vitória por 7 a 3 foi emocionante. Eu via um time ruim que era bom, pequeno que era grande e acima de tudo subestimado e abatido. A razão e o coração conversavam comigo e foi quando pensei: 'Sei que este tem potencial, eu já vi outrora. Mas é esse que subestimam? esse é perdedor? pois então é esse que quero. Vou superar o mundo todo e provar que sou vencedor.'


Meu amor por este clube é tão forte. Não sei se alguém sente isso, dúvido muito. Sou fanático. O cântico a qual iniciei este texto realmente resume meu amor. Palmeiras é minha vida, razão do meu viver. Para não ser mal interpretado, explico: Tenho minha profissão, e outros valores os quais amo. Mas eu conseguiria viver sem quase qualquer coisa no mundo, exceto o Palmeiras.


Só que quero por meio deste deixar mais claro a diferença do verdadeiro amor. A mídia é maior do que o verdadeiro amor dos flamenguistas, por exemplo. Podem me julgar, mas isto é questão de opinião. Bom, tenho argumentos. Transmitem jogo ali e lá, mas vai ver o estádio do Engenhão se lota. Não lota. Trânsito? Horário ruim? Cadê o amor? Uma mãe que ama o filho morreria por ele e quem realmente ama de VERDADE sabe que essa comparação não é absurda. E os flamenguistas principalmente lá do Rj não demonstram isso. E não me venha com a desculpa que passa o jogo na TV. Não passa, tem muito jogo que é 19:30 por exemplo. Me diga porque não fazer hora extra em um dia para no outro poder ver o jogo, ou até mesmo faltar o trabalho bicho? AMOR cara, AMOR, isso é muito grande. Para tais que tem o rótulo de maior torcida do mundo, sei lá quantos milhões e não levam nem 20 mil para as arquibancadas... Vixi, é de se estranhar. Ao contrário da torcida do Corinthians, que faz totalmente o contrário.


Outro ponto que é muito interessante compartilhar aqui. Fácil é você morar em SP e torcer para o Palmeiras, pois lá você liga TV falam dos 4 grandes e você escolhe. Aqui em SC não bicho, falam de todos. E tem mais, a maioria escolhe torcer para tal clube por causa de uma vitória, ídolo ou porque o papai torce. Ah, ta de brincadeira hein? isso é muito ridiculo. Como já disse comecei a torcer pelo clube e com muito orgulho após perder por 7 a 3 para o vitória com a "torcida" gritando: "Fora Mustafá" e aqui em casa cada um torce para seu time. Meu pai por exemplo é vascaíno e não tô nem aí pra ele. Não manda nessa minha escolha, sou palmeirense e pronto.


Enfim, o que prezo é o amor pelo futebol e este senti quando São Paulo foi campeão do RIO-SP em 2002, neste mesmo ano o título da Copa do Mundo, em 2003 o fantástico Cruzeiro. 2009 torci até o penúltimo segundo para o Flamengo não ser campeão brasileiro, mas no último me emocionei. Isso é futebol amigo. Foi assim com Fluminense, Inter de Milão na UCL e Corinthians no ano passado. Em todos chorei de alegria e fiquei emocionado. Quem não olha para seu rival sentindo amor, tem a tendência de ser marginal que quer violência, é egoísta, clubista. Me julgam desumilde e moleque. Pode ser, mas tenho coração e sou acima de tudo profissional.


_____________________________________________________________________


VOCÊ TAMBÉM PODE PARTICIPAR DO #TORCEDORAPAIXONADO:
ENTRE EM CONTATO CONOSCO ATRAVÉS DESSES ENDEREÇOS: rodrigocarvalho.go@gmail.com , www.twitter.com/digaofutebol ou www.facebook.com/DigaoDutebol E COLOQUE NO ASSUNTO : TORCEDOR APAIXONADO. SE VOCÊ FOR SELECIONADO(A) VOCÊ APARECERÁ AQUI TAMBÉM NESTA COLUNA!





9 comentários

liédson lacraia em 7 de abril de 2012 16:39

mt diferente seu modo de pensar bem rígido mas acho q não devemos julgar opiniões VLW!

Jeferson Tavares em 8 de abril de 2012 10:53

hahahaha esse é sim fanático qnd estudei com ele a galera começava a falar de futebol e sabia responder tudo,escalação dos times sem falar que fizemos umas apostas para campeão da copa do brasil e ele ganhou todos riram quando ele disse que vasco seria campeão. ABRAÇÃO FERA!

Anônimo em 8 de abril de 2012 11:09

é o brad é bem fanático alem de ser o cara q mais entendia da nossa turma do ano passado faltava mts vx para ver jogo do palmeirinha e um dia dps da derrota por 6 a 0 pro coxa KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK (euri muchooo) ele foi com a camisa do palmeirinha pra escola,mas falando serio foi um gesto tao corajoso e tava na cara q apaixonante q ngm o zuou!

ASS: MAGUILA!

Jéssica em 8 de abril de 2012 14:26

Pois é meu amigo vc tem uma maneira mais critica de enchergar as situações, além de encarar alguns momentos tensos com frieza mas realmente tem argumentos convicentes tamo junto e misturado. Bjão!

Anjo da morte em 8 de abril de 2012 15:38

Ae pica gostei bem legal.

O IMPÓÓÓSTOR em 8 de abril de 2012 18:45

vixi rapaz vc tem q tratar futebol com mais diversão,não adianta se irritar atoa.

Anônimo em 9 de abril de 2012 09:19

Ser Palmeirense é ter amor ao verde, ao time, aos nossos ídolos e tradições e Às vezes as pessoas confundem isso e não compreendem!

Gabriel Nogueira em 9 de abril de 2012 14:51

Bom já disse tudo no texto, quem me conhece compreende e os demais ás vezes não sabem interpretar. É seguir trabalhando e argumentando fatos e não discutindo. Não retiro nenhuma palavra. Valeu aos amigos, internautas de plantão, Rodrigo e especialmente Deus que me fez ser palmeirense na dificuldade sem ninguém me manipulando. Orgulho, muito orgulho. Bjo/Abraço #Partindo.

Gabriel Tramarin -Conexão Paulista em 13 de abril de 2012 16:18

Sensacional viu, nem preciso te elogiar meu caro.

BLOG
ESPECIAL: Clubes x Seleção Brasileira. Quem leva a melhor? (Opinião da galera/Parte3/3)
Rumo a Euro: Ep.12 -Abidal (França)

TWITTER E FACEBOOK
CP no Twitter !
CP no Facebook

 
▲ Topo