Paraense 2012: Águia de Marabá vence o Remo e está na final do 1º turno. Houve confusão e jogador atinge outro com barra de ferro!

A confusão na partida entre Águia de Marabá e Remo pela semifinal do 2º turno do Campeonato Paraense, terminou com uma agressão covarde. A briga generalizada começou após uma entrada forte de um jogador do time da casa, após aquele empurra-empurra normal nestas confusões, o atleta reserva Alexandre Carioca (Águia) pegou uma barra de ferro e acertou as costas de Aldivan (Remo).

O jogador do Remo foi levado para o hospital, enquanto Carioca foi expulso e levado para a delegacia. A polícia precisou usar spray de pimenta para controlar toda a confusão. O Águia venceu a partida por 2x0 e cinco jogadores foram expulsos.

O caso foi parar na delegacia, para onde foi levado o jogador do Águia. Aldivan precisou ser levado para um hospital de Marabá. O detalhe é que o agressor estava no banco de reservas e se meteu em uma discussão que começou entre o goleiro Alan, do Águia, e o meia Betinho, do Remo.Apesar da violência do ato, o jogo prosseguiu após a interrupção no Estádio Zinho Oliveira.




3 comentários

Kleiton Diniz em 13 de fevereiro de 2012 20:13

Mas também o que se esperar de um jogo que é lá no Pará?

Eduardo Cavalvante em 14 de fevereiro de 2012 09:43

O futebol brasileiro tem que ser tratado com amis seriedade e ter punições exemplares. O que esse jogador fez foi vandalismo e não espore, tem que ser indiciado por lesão corporal e tentativa de homicídio, além de ser banido do esporte!

Anônimo em 19 de fevereiro de 2012 10:53

Meu caro, independente do LOCAL, agressão é agressão, u será que é só no Pará que pratica-se futebol?

 
▲ Topo